segunda-feira, 24 de novembro de 2008

PASSEIO DOS TOLOS AO DOMINGO

Normalmente não gosto de Domingos, nem sei muito bem porquê, é um dia chato, aborrecido... em Lisboa está praticamente tudo fechado, restando só os grandes centros comerciais que se enchem de familias inteiras que em gênero de passeio lá caminham devagar devagarinho quase parados... hoje resolvemos aproveitar o lindo dia de sol fora de portas e já que a maior árvore de Natal fez questão de ir para um dos meus sítios de eleição, lá fomos nós (não é tara, mas todos os anos por coincidência acabamos sempre por lhe seguir as pegadas, começou por Belém, Praça do Comércio, Porto e este ano Parque Eduardo VII)... e nem sequer temos grande simpatia pelo Natal (mas isso fica para um próximo post)...

20 comentários:

Trintão disse...

Estranho! Eu adoro o Sábado e o Domingo...

Acho que fizeram uma boa escolha ao aproveitar o sol.

DANTE disse...

Nunca tive curiosidade em ver ou seguir essa arvore...este ano porém vai ser inevitavel não a ver.
Boa semana @me@@.

Jokas :)

Rui D. disse...

A tua primeira foto tava ainda mais fixe se tirasses a chavena de café da frente :P e as mesas e cadeiras assim ficavas com um efeito fixe da arvore na agua. Mas tou a ver que aproveitas o Domingo para fazer tanto como eu lol (...nadaaaa).

Bjinho*

...e Obrigado;)! Ainda tou um bocado tocado mas pronto esta semana deve passar. Até isso acontecer nada como uma dieta...( nao que precise mas pronto dadas as circunstancias.)

Miepeee disse...

Que rico dia de domingo, o tempo estava optimo. Aqui nevou, trovejou, choveu granizo, um frio do caracas.

Tens um desafio no meu estamine.
Beijinho.

soldoutono disse...

Também nunca gostei do Domingo. Está demasiado próximo da segunda-feira (a terrível segunda-feira eheheh).

A àrvore... bem, estou agora a saber que está no Parque Eduardo VII e só a "segui" uma vez. Estava no Terreiro do Paço e fez-me muita confusão como se pode ser tão perdulário neste país. É que ali mesmo ao lado, debaixo das arcadas, estavam dezenas de sem-abrigo a dormir ao relento, embrulhados em cartões e jornais. Uma verdadeira afronta ao espírito natalício... aquela gente devia ser toda "corrida" dali para fora, para lares e abrigos construídos com o dinheiro esbanjado em árvores megalómanas.
Este país não tem emenda!
Este país é uma anedota de mau-gosto contada por um bêbado sem jeito para contar anedotas!

korrosiva disse...

A parte mais "linda" são as filas de transito só para ver a dita arvore, todos os anos é o mesmo atrofio :{

Boa semana :)
beijinho

jg disse...

Colhes a minha simpatia por ser do contra.
E tb porque dá para perceber que és uma ruiva invulgarmente giraça!
Não me perguntes como é que sei mas baseia-se na análise de promenores.

Lactrodectus Mactans disse...

Tenho grande aversão a passeios de domingo...quando era puto fui obrigado...passear só mesmo quando feel like... :S

João disse...

Ainda não passei lá, a árvore durante o dia também tem os milhões de luzes acesas?

Saltos Altos Vermelhos disse...

Que bela tarde de domingo! Adorei as cores da árvore :)

Andreia do Flautim disse...

Hei grande árvore!!

Noiva Judia disse...

Todos os anos a vou cuscar e este ano nãos erá excepção.

Maria disse...

Por acaso também não gosto nada dos Domingos.. Mas com sol ainda se faz alguma coisita..:)
Um beijinho.

Tita disse...

Aha! E quando eu postava aqueles posts de "odeio domingos" todos ralhavam comigo!!! Afinal, não sou mesmo a única!!! E afinal não fui a única que também (des)aproveitou o domingo e foi ver a árvore!!!

Manitas Del Plata disse...

ja la tive ;)

AB disse...

Eu adoro os sabados e domingos principalmente de inverno. Posso ficar em casa a tarde toda a ibernar.
Beijinho e boa semana.

Cor do Sol disse...

Olha que eu agora gosto de passear ao domingo...isto de trabalhar dá cabo de uma pessoa.lol.

_+*A Elite in Paris*+_ disse...

A ultima foto ficou d+ !!!

Beijo meu ♥,

A Elite

Carlos Rangel disse...

Foste tomar café a um sítio que eu adoro! É muito, muito fixe! Até mesmo quando está atafulhado de gente! Bjs!

Nuno disse...

Para quem tem de trabalhar na 2ª feira, o domingo acaba por ser um pouco deprimente. Mas isso são conversas para outras ocasiões.

O que me levou a comentar este teu post foi uma coisa que tu disseste e que eu achei que devia salientar, que é o facto das lojas estarem fechadas ao domingo. Tanto se queixam que o comércio tradicional está a passar as passas do Inferno e quando deviam aproveitar as alturas em que as pessoas podem andar na rua, as lojas estão fechadas!!!

Não achas que as lojas deviam ter um horário mais flexível? Abrem às 9h e fecham às 19h que, curiosamente, coincide com o horário de trabalho das pessoas!!! A malta sai às 19h e quer ir às compras... Vai onde? Aos centros comerciais, pois então! São os únicos que têm lojas abertas àquela hora!!! Enfim... Irrita-me um bocado aquelas pessoas que estão à espera que os problemas se resolvam sozinhos, como que por obra e graça do Espírito Santo (e não estou a falar do banco...).

Beijinhos,
Nuno.