segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

por mais difícil e complicado que seja, preciso de tomar uma decisão, assim não posso continuar... morro todos os dias mais um bocadinho, vivo cheia de "e se isto" e "se aquilo", fantasmas e incertezas que mais não têm feito do que me destruir todos os dias mais um bocadinho, mas essa decisão não depende só de mim, somos dois no barco... hoje mais calma, mais lúcida, com as ideias arrumados, irei me sentar naquela mesa e só sairei de lá com uma decisão... por mais dura que possa ser!

1 comentário:

Olhares disse...

Nunca apagues este blogue, há tantos sentimentos aqui, que te ajudaram talvez a ti a perceber daqui a uns tempo o que irás relativizar, mas ajudará a muitas outras pessoas, como eu.