segunda-feira, 21 de julho de 2008

"S" PRECISO CONTAR-TE A ÚLTIMA QUE FIZ...


Juro que fiquei com cara de parva... é um facto que não me foi pedida uma opinião, até porque o "mal" já estava feito, apenas me foi contado, assim como em jeito de desabafo e quase que a pedir uma palmadinha nas costas e um "... fizes-te bem... de facto esta não era a altura melhor, e blá blá blá"
mas não... em vez disso engoli a seco, fiquei amarela e quase não acreditava no que estava a ouvir e da forma como o ouvia... confesso que foi algo que não estava minimamente à espera...
pior que isso foi pensar que no ultimo referendo que houve a respeito votei no SIM, não sei sinceramente onde estava com a cabeça... achei e acho que todos somos donos de nós e que a última palavra realmente deve ser nossa... mas quando essa palavra dá lugar a uma irresponsabilidade sem fim, a uma despreocupação do gênero... "se acontecer... logo se vê", fico com um sentimento de culpa e a pensar que sou um pouco responsavel por estas merdas acontecerem... ainda assim também sei que descuidos toda a gente tem, inclusive não estou daí a lavar as minhas maos... mas continuar a fazer o que fazia anteriormente com o pensamento, que como correu tudo bem desta vez, da próxima não será diferente...
aiiii... não sei porque aos 27 anos ainda me choco com isto, mas por favor não me contem que fizeram um aborto com a maior cara de pau do mundo, quase que em jeito de paródia e à espera que eu embarque no bailarico...

5 comentários:

Gi disse...

Se pensas assim, pensas conscientemente!
Toma tu conta de ti e age, sempre, com consciência.

AB disse...

Concordo inteiramente contigo. Eu confesso que por essas e por outras votei contra. Acho que as pessoas por vezes são de uma iresponsabilidade sem tamanho. Claro que há acidentes, a mim também já me aconteceu. Mas há situações em que é mera irresponsabilidade.

Boo disse...

Eu tambem acho que as pessoas devem poder escolher, mas numa situacao em que nao se expuseram a ficar gravidos...
Mas tambem vos digo, mesmo que seja por total irresponsabilidade eu penso que mais vale nao ser irresponsavel e deixar vir mais uma crianca ao mundo que nao e desejada...

mjf disse...

Olá!
É uma questão muito delicada e intima....
Só uma pessoa muito irresponsável pode tomar uma atitude dessas de ânimo leve


Beijocas

apleman disse...

Eu tb votei sim, mas tb sou da opinião que ng o deve fazer de animo leve deve ser algo bem pensado...

mas pronto á pessoas para tudo e não podemos prejudicar todos por meia duzia...